Regulamentação furada

Marcelo Teixeira —  10 de abril de 2013 — Comentários

sospesi-su-un-filo

Há pouco tempo soubemos da aprovação da regulamentação da profissão de designer pela Câmara dos Deputados em Brasília, o que para nós designers foi uma conquista, mesmo que ainda não tenha sido aprovada pelo senado e pela presidência; mas ao ler em outra fonte a mesma notícia, eis que me deparo com a seguinte informação: “De acordo com a proposta aprovada, também poderão ser registrados profissionais com pelo menos três anos de experiência até a data da publicação da nova lei. O projeto original permitia o registro somente daqueles que provassem o exercício da profissão durante cinco anos ou mais antes da publicação da lei.”

Eu me pergunto, para que vai servir a regulamentação? três anos de experiência em uma área um tanto “prostituída” por “autodidatas”, e nada melhor do que ganhar uma certificação em menos tempo que um bacharelado na área. O que isso acarreta? no meu ponto de vista não haverá mais cursos na área, já que é irrelevante perder-se 4 anos se pode-se “perder” apenas três, e digo perder em termos, porque esses três anos a pessoa estará ganhando dinheiro na tentativa e erro já que nem nas profissões mais antigas existe fiscalização. E agora?

Marcelo Teixeira

Posts Twitter Facebook Google+

Designer e estudante de Arquitetura e Urbanismo, criador da Archtechulture Megazine. Semi-geek, polêmico mas com visão holística, viciado em internet e curte tudo relacionado a design e tecnologia.

No Comments

Be the first to start the conversation.

Deixe uma resposta

*

Text formatting is available via select HTML.

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>